Posts com Tag ‘Windows’

Lançamento do windows 95

Publicado: 31/10/2012 por ॐ MZ.. em Engenharia da Computação, Videos
Tags:,
Anúncios

Microsoft libera versão do programa para que montadoras incluam a novidade na instalação do Windows.

asd

Mais de seis meses depois da aquisição do Skype, a Microsoft faz o primeiro movimento para adicionar o software em seu sistema operacional. Como noticiado pelo The Verge, a empresa liberou uma versão OPK (Kit de Pré-instalação OEM) do programa. Com esse pacote, as montadoras, como a HP, a Dell, a Positivo e outras, poderão instalar o Skype silenciosamente no Windows.
Por ora, somente a versão 5.8 do programa está disponível para esse tipo de instalação. Apesar de não oferecer a versão mais atualizada, somente a atitude de fornecer o pacote OPK demonstra que a Microsoft pretende incluir o software em seus sistemas, inclusive no Windows 8 e no Xbox 360. O Windows Phone já recebeu uma versão do Skype.

http://www.tecmundo.com.br

 

Post sobre o óculos:

Google divulga fotos de óculos com realidade aumentada e acesso à web

Testamos a nova versão do sistema operacional da Microsoft e trazemos os motivos que você deve considerar antes de pensar em uma transição.

asdsa

O lançamento de um novo sistema operacional, especialmente quando ele é produzido pela Microsoft, sempre traz uma grande dose de polêmica. Afinal, a sensação que fica é a de que o ambiente a que estamos acostumados está desatualizado e nunca mais vai receber novidades realmente interessantes.
Hoje em dia, quem usa o Windows passa por um desses momentos. O lançamento oficial do Windows 8 Consumer Preview inicia a contagem regressiva para o fim da versão 7 da plataforma — sensação que nem a afirmação de que o antigo produto vai contar com suporte oficial até 2020 ajuda a eliminar.
Mas, afinal, vale a pena aceitar desde já que a mudança é inevitável e abraçar de vez a novidade ou uma decisão do tipo ainda não é recomendada? Passamos um tempo com a versão de testes do Windows 8 e, neste artigo, apresentamos os motivos que devem ser considerados antes de migrar para a nova plataforma.

Mudança de paradigma

Por mais que a ideia seja estranha, uma pessoa acostumada ao Windows 7 que fosse forçada a usar a versão 95 não teria muitos problemas em se adaptar ao sistema operacional. Mesmo que certas opções funcionassem de forma diferente e alguns recursos nem sequer existissem, o fato de ambos os produtos compartilharem a mesma estrutura básica não tornaria muito complicado o processo de adaptação
asdsa

A mesma situação não acontece quando se compara qualquer produto da Microsoft com o Windows 8. A interface Metro representa uma mudança radical de direção, deixando de lado muitos elementos consagrados, como as barra de título, janelas com tamanho configurável e até mesmo o tradicional botão Iniciar.
A estranheza inicial ao software é inevitável, mesmo para quem domina as funções consideradas complexas de todos os produtos já lançados pela companhia. Não precisar fechar nenhum aplicativo e depender das bordas da tela para trocar entre tarefas exige certa adaptação, especialmente de quem está acostumado a usar a combinação mouse e teclado.

Um sistema dentro do outro

Algo que fica claro no Windows 8 é que a Microsoft estava ciente de que o novo produto ia provocar choque entre os consumidores. Até por isso, a empresa garantiu que todo o Windows 7 estava dentro do SO, com direito a algumas melhorias de interface e aprimoramento de funcionalidades.

asdsd
Essa situação não é exatamente nova, já que a empresa faz exatamente a mesma coisa desde que o sucessor de seu primeiro sistema operacional chegou ao mercado. Como cada novo software é construído tomando como base o que foi feito antes, a retrocompatibilidade de dispositivos e aplicativos é garantida — situação que ajuda muitos consumidores a decidir por uma atualização.
O problema que fica claro com a versão Consumer Preview é que há muita disparidade entre o novo método de usar o Windows e o antigo. A interface Metro é muito diferente da anterior, e há certa sensação de desconforto quando uma mudança de ambiente é necessária.
Especialmente quando se usa o sistema operacional em um PC convencional, mudar entre o visual reformulado e o antigo desktop não só é uma tarefa estranha que se torna ainda pior por ser extremamente necessária. O fato de que os elementos antigos não se encaixam da maneira mais adequada no ambiente atualizado só deixa ainda mais forte a impressão de que o SO antigo simplesmente foi “encaixado” dentro do novo para evitar reclamações.

Foco nos tablets

O principal problema do Windows 8, especialmente para quem usa um computador convencional, é seu foco em sistemas baseados no toque. Embora a plataforma se adapte sem problemas a um tablet, o produto não atinge todo o seu potencial quando é preciso usar mouse e teclado, mesmo com os ajustes feitos pela Micro

asdasda

Esse é o principal obstáculo que a empresa terá de superar para não ter um novo Windows Vista nas mãos. Usar a interface Metro através dos meios de interação convencionais não é exatamente um sofrimento, mas fica claro que essa não é a forma ideal de navegar pelo ambiente.
Embora a tendência seja que a maioria dos dispositivos do futuro se torne compatível com a tecnologia touchscreen, isso ainda está longe de se tornar uma regra. Isso faz com que a companhia corra um sério risco, especialmente caso sua empreitada no mundo dos tablets não seja forte o bastante para afetar o reinado da Apple e seu iPad.

Uma troca é indispensável?

Devido aos motivos apresentados, é fácil chegar à conclusão de que, embora o Windows 8 seja um sistema competente, um upgrade está longe de ser necessário. Particularmente para quem usa desktops, o sistema operacional sofre de certa “esquizofrenia” causada pela separação entre interface Metro e a função Desktop.

asdsa

A não ser que a Microsoft realize alterações substanciais na forma como essa mudança constante entre ambientes é realizada, dificilmente o produto conquistará nos computadores tradicionais o mesmo sucesso obtido pelo Windows 7. Nos tablets e dispositivos portáteis, a história parece que vai ser diferente — porém, não se pode subestimar o grande desafio que a Apple vai representar no segmento.
A melhor forma de decidir se a troca vale a pena ou não é instalar a versão Consumer Preview, de preferência em dual boot, e testar por si próprio a novidade. Ou esperar pelo lançamento final e conferir se a Microsoft preparou alguma grande surpresa capaz de tornar mais fácil o trabalho de quem ainda depende da combinação mouse e teclado.

Quem migrou (ou irá migrar), para o 7, irá perceber uma alteração na forma de acesso ao WLM. O antigo ícone ao lado do relógio foi exterminado, ou seja, não tem como fechar a janela principal do aplicativo sem que o mesmo seja finalizado. As consequências disso será uma enorme lista de aplicativos na barra de tarefas, o que para alguns torna a troca de janelas uma coisa chata ao longo do tempo, principalmente quando se tem muitos aplicativos abertos.

Agora se quiser que o ícone do aplicativo volte para perto do relógio, permitindo fechar a janela e restaurar apenas com um clique duplo no ícone, tal como era no Windows Vista e XP, basta seguir os passos a seguir:

  1. Vá até o Menu Iniciar, pesquise por Windows Live Messenger
  2. Clique com o botão direito sobre o atalho do aplicativo e vá em Propriedades
  3. Clique na aba Compatibilidade
  4. Marque a caixa Executar esse programa em modo de compatibilidade
  5. Na caixa que foi liberada, selecione Windows Vista (Service Pack 2)
  6. Clique em Aplicar e depois em OK

 

Pronto, apenas inicializar o msn!

fonte: http://www.iotecnologia.com.br

msn

Messenger Discovery Live é um ótimo complemento para os usuários do mensageiro instantâneo da Microsoft, o Windows Live Messenger. O aplicativo adiciona vários recursos ao MSN e possibilita que as pessoas façam e descubram coisas que sempre tiveram vontade, mas que não são possíveis de ser realizadas no programa orignal.

Nesta dica veremos que, você poderá ser avisado sempre que um contato abrir uma janela de conversação com você, mesmo que ele não envie nenhuma mensagem. Com isso, além de poder surpreender seus amigos, enviando uma mensagem antes deles, você também poderá saber quando uma pessoa pensou em falar com você e desisitiu, o que provavelmente significa alguma coisa.

Passo 1. Feche completamente o Messenger, inclusive da barra de tarefas.

Passo 2. Faça o download do Messenger Discovery Live (Clique em Start download now!) e instale o programa no seu computador.

Passo 3. Abra o Windows Live Messenger e faça o login com as informações da sua conta.
1

Passo 4. Na página principal do MSN, clique no ícone do Messenger Discovery (um balão colorido), no canto inferior direito da janela, e selecione a opção “Configurações”.

Passo 5. Na coluna de menus da esquerda, clique na opção “Alertas” e, ao lado direito, marque a caixa correspondente a “Uma janela de conversação for aberta”.
2

Passo 6. Em seguida, clique em “OK” para salvar a alteração e continuar o MSN.

Após esses passos, você passará a ser avisado quando um contato da sua alista abrir a sua janela de conversação no MSN. Use essa vantagem a seu favor da maneira que achar mais conveniente e surpreenda seus amigos. O programa possui muitos outros recursos interessantes e, graças à sua interface simples, é possível compreendê-los sem muito esforço.

3
Aviso exibido quando uma janela é aberta

Observação
Devido a problemas de incompatibilidade com o MSN 2011, as configurações do Messenger Discovery não são salvas depois que o programa é fechado. Isso faz com que alguns dos seus recursos não funcionem, visto que é preciso reiniciar o MSN para que as alterações tenham efeito. Para utilizar seus recursos, recomendamos o MSN 2009.

Desinstalação
O desinstalador do Messenger Discovery pode não funcionar corretamente em alguns sistemas, causando travamentos ou passando a não responder. Para remover o programa, recomendamos a desinstalação manual, que consiste em deletar os arquivos do Messenger Discovery do diretório “Arquivos de Programas” do Windows e da pasta do “Windows Live Messenger”.

Fonte: techtudo.com.br

A Alienware é uma marca de computadores criados sob medida para aquelas pessoas que são totalmente viciadas em jogos. Eles são grandes, pesados, contam com vários detalhes em vermelho, telas enormes para notebooks e configurações que deixariam qualquer PC desktop com inveja.

Os últimos rumores apontavam para um novo Alienware com uma tela de 18 polegadas, e eis que ele finalmente apareceu no Canadá. O Alienware M18x pode ser visto no site da Dell do Canadá, e tem um design bem parecido com o modelo anterior M17x, que tem 17 polegadas.

Como já era de se esperar, a sua configuração não é nada modesta, e o M18x vai contar com um processador Intel Core i7 de 2,8GHz, 4GB de RAM DDR3, disco rígido com 320GB de capacidade e uma placa de vídeo NVIDIA GeForce GTX 460M. Com estas especificações, o M18x deverá custar cerca de US$ 2.000 (lá fora). Mas, se você precisar de mais desempenho, também pode optar por um processador de 3,4Ghz, 8GB de memória, 750GB de disco rígido e uma placa de vídeo dual AMD Radeon HD 6970M, o que custa mais US$ 1.000 dólares sobre o preço informado acima.

A tela de 18,4 polegadas do Alienware M18x tem resolução FullHD (1080p) e o sistema operacional é o Windows 7 Home Premium. Este incrível notebook ainda deve contar com uma bateria de 12 células, assim você vai poder jogar por um bom tempo sem precisar encontrar uma tomada.

O computador está em pré-venda no site da Dell do Canadá, assim quem comprar um agora, só deverá receber no começo de maio. Se você também é um verdadeiro fanático por jogos, já pode começar a juntar suas economias para adquirir um dos melhores notebooks do mercado, que promete muita diversão, apesar do preço salgado.

Fonte: techtudo.com.br

O Windows 7 é atualmente a última versão oficial do sistema operacional da Microsoft. Embora o sistema seja relativamente novo, cedo ou tarde ele precisará de um sucessor. E a julgar pelas informações e imagens vazadas nas últimas semanas, a empresa de Bill Gates tem adiantado o serviço e já trabalha em uma nova versão para o Windows há bastante tempo.
as
A última informação divulgada pela dupla Rafael Rivera e Paul Thurrott, dois sortudos que tiveram acesso em primeira mão a versão de desenvolvimento do Windows 8, é de que o sistema ganhará um novo recurso de personalização, a colorização automática com base no papel de parede aplicado. O recurso funciona de forma simples: o Windows detecta a cor predominante do wallpaper e aplica às bordas das janelas do Aero, a interface gráfica do sistema. O resultado final é um belo tema combinando com o papel de parede. Se você não quiser combinar as bordas das janelas com o plano de fundo, também é possível escolher uma cor de forma manual.
Outras informações vazadas revelam que o Windows 8 terá um novo tema baseado em Metro UI, sem transparências e outros recursos visuais para ser executado com maior leveza em computadores modestos. Se você não está por dentro da nomenclatura, Metro UI é a identidade visual de alguns produtos da Microsoft, como Zune e Windows Phone 7.
sdasd
No quesito backup o Windows 8 também receberá melhorias. Segundo informações, a Microsoft trabalha em um recurso chamado History Vault, uma ferramenta semelhante ao Time Machine do Mac OS X, da Apple.
Se você está esperando o Windows 8 para fazer um upgrade de sistema operacional, é importante ressaltar que essas informações são extra-officiais. Embora as imagens e informações sejam bastante convincentes, não existe nenhuma garantia oficial por parte da Microsoft de que esses recursos estarão presentes na versão final do sistema.

Fonte:http://www.techtudo.com.br

A Microsoft vai anunciar, nesta terça-feira (29/03), novos recursos para o Hotmail durante a Expo São Francisco. Dharmesh Mehta, diretor de gerenciamento de produtos da Windows Live, será o responsável pelo anúncio das novas funcionalidades, que visam aumentar a interatividade do serviço de email.

Dentre os recursos adicionados, destacam-se o uso de aplicativos dentro do e-mail. Um exemplo citado por Mehta, em entrevista ao News Grange, é a possibilidade de responder comentários num blog e, até mesmo, alugar filmes sem sair da página do e-mail que lhe foi enviado.

No entanto, por questões de segurança, apenas alguns aplicativos, certificados pela Microsoft, poderão atuar no Hotmail. A companhia já fez parcerias com empresas como a LivingSocial e Netflix, que poderão disponibilizar suas ferramentas dentro do serviço Windows Live.

Fonte: olhardigital.com.br

Se você apagou por engano algum contato do seu Windows Live Messenger ou Hotmail e não se lembra do endereço de e-mail dele para adicioná-lo novamente, essa dica pode ser útil. Vamos explorar um recurso do Windows Live que permite restaurar contatos deletados.
Passo 1. Saia do Messenger, caso esteja conectado;
Passo 2. Acesse o Windows Live e faça login na sua conta;
Passo 3. Clique em “Messenger”, e depois em “Contatos”;
Passo 4. Em “Gerenciar”, clique em “Restaurar contatos excluídos”;
Passo 5. Agora clique em “Restaurar”, ao lado do contato que deseja restaurar;

Passo 6. Clique “Adicionar como amigo” e “Convidar” para adicionar o contato no Messenger;
Passo 7. Por fim, reconecte ao Windows Live Messenger. O contato deve aparecer por lá.

Fonte: http://www.techtudo.com.br