Posts com Tag ‘Planeta’

Planeta do Medo 3D Animação

Publicado: 12/08/2012 por __PiTy em Humor, Videos
Tags:, ,
Anúncios

 

Fonte: http://style.greenvana.com

1

O que são Placas Tectônicas? Porque elas causam terremotos? Porque o Brasil não tem terremotos?

As placas tectônicas ficam abaixo dos continentes e acima das camadas de lava no interior do planeta terra. A movimentação destas placas é um fenômeno natural que sempre ocorreu e faz parte da movimentação do planeta. Os continentes como conhecemos ficam acima das placas tectônicas.

Elas causam terremotos quando se chocam a milhares de metros da superfície. O atrito entre duas placas de extensões grandiosas causa o tremor que pode ser sentido na superfície.

O Brasil está TEORICAMENTE fora do risco pois os terremotos acontecem nas regiões próximas às bordas das placas. E conforme pode ser notado na imagem ilustrativa acima, estamos longe das bordas.

Fonte: seuestranho.com.br

A suíte de aplicativos Dynamics, da Microsoft, vai receber um novo recurso que permitirá medir e certificar a emissão de dióxido de carbono de uma empresa.

A ideia da Microsoft é levar às médias empresas uma solução para medir o impacto ambiental que suas atividades causam, em especial em critérios como consumo de energia.

A família Dymamics AX [ex-Axapta] é uma suíte para gestão corporativa que inclui aplicações de ERP e CRM voltadas para gerenciar o relacionamento com clientes e automação de vendas. Agora, usuários deste pacote poderão baixar um novo software dedicado apenas a medir o impacto ambiental que uma empresa causa.

Na aplicação, é possível dizer quantos servidores uma empresa usa, quantos PCs ela possui e quantas horas eles trabalham por dia e cruzar estes dados, por exemplo, com o consumo mensal de energia elétrica. Esta relação permite aferir qual a eficiência energética de uma companhia e facilita medir resultados de mudanças nos hábitos corporativos para economizar energia.

Reduzir o consumo de energia e, conseqüentemente, a quantidade de gás carbônico lançado na atmosfera pode ser um importante capital para as companhias, muito além do ato voluntário de poluir menos.

A evolução de um mercado de créditos de carbono pode onerar mais as empresas poluentes e garantir isenções às companhias ecologicamente responsáveis num futuro próximo.

Fonte: http://info.abril.com.br

A Engenharia Ambiental basicamente desenvolve e aplica tecnologias para proteger o ambiente dos danos causados pelo homem, é a engenharia voltada para o desenvolvimento econômico sustentável, ou seja, que respeite os limites dos recursos naturais.

Se você quer ser engenheiro ambiental, é importante gostar de matérias da área de exatas. Também é preciso ler bastante, porque a área ambiental está em constante mudança, com novas tecnologias e etc.

A duração do curso é de cinco anos.

O primeiro ano é básico para todas as engenharias, com matérias como Física, Cálculo e Química. A partir do segundo ano começam as disciplinas relacionadas à área, como por exemplo, Química Ambiental, Fundamentos de Geologia e Introdução à Poluição Ambiental. Um estágio é obrigatório, mas só pode ser feito a partir do segundo semestre.

O campo de atuação do engenheiro é novo, mas promissor. Ele é o elo entre muitos profissionais envolvidos em uma obra. Empreendimentos como usinas termelétricas, indústrias de base (química e petroquímica, de mineração, siderurgia e de papel e celulose) e grandes obras de infra-estrutura (rodovias e ferrovias) buscam cada vez mais o engenheiro ambiental para o controle de poluição.

Fonte: http://eutedigo.wordpress.com