Um bloco da Blockchain

A blockchain é um livro razão digital e descentralizado que registrá todas as transações ocorridas por meio de blocos. Cada bloco armazena uma lista de transação.

Estrutura do bloco:

Fonte: 
https://www.modiax.com/descubra/educacao/bitcoin-blockchain/

Raiz Merkle: HASH gerado a cada par de transação (da Lista de Transações), se tiver 2 pares, pega os HASH gerado e gera um novo e assim sucessivamente até gerar um HASH FINAL das informações.

Nonce: número aleatório aplicado apenas uma vez no último hash do bloco, gerando o hash final. (O minerador deve encontrar um nonce que torne o seu bloco válido. Este passo requer a maior parte do trabalho, e é onde ocorre a maior parte da dificuldade dos mineradores.)

Index: número do bloco.

Hash do bloco anterior: cada bloco tem um hash final e seu hash participa da geração do Hash do bloco corrente. Sendo assim se for modificado alguma transação em um bloco anterior não irá fechar mais os Hash.

Timestamp: gerado na hora da criação utilizado para gerar tambem o hash final.

Hash do bloco: hash final do bloco onde irá para o proximo bloco e assim transformando em uma cadeia de blocos interligados sem que possam trapacear.


Fonte: https://michelzarpelon.blog/2019/03/30/bloco/

O que é blockchain?!?!

Neste blog estarei escrevendo de forma simples sobre a tecnologia blockchain. Acredito que será de facil entendimento. Pretendo me esforçar (haha) pra fazer um post por semana.

Um post complementará o outro, então, só seguir que tudo vai ser entendido.

Então vamos para o que nos interessa. O blockchain nada mais é que analogicamente um livro contábil armazenado em várias bibliotecas. Mas tecnicamente é uma tecnologia que consiste em uma cadeia de blocos.

A cadeia de blocos (BlockChain) é um grande banco de dados, público, remoto e inviolável, podendo ser registrado vários arquivos. Cada item armazenado é datado e dá origem a uma espécie de assinatura formada por uma sequência de letras e números.

Cada bloco contem um conjunto de transações que são trancados por uma forte camada de criptografia. Por outro lado, a BlockChain é pública, ou seja, qualquer pessoa pode verificar e auditar as movimentações registradas nela.

O bloco possui uma assinatura digital (hash), funciona como um identificador único, desta forma a garantia criptográfica que as informações do bloco não são violadas. Na criação de um novo bloco é carregado a hash do bloco anterior para assim junto com as transações ser gerado a hash final.

Fonte: https://michelzarpelon.blog/2019/03/26/teste/

Engenharia de Computação

43710512_177386429856739_2371700328005454529_n(1)

O Engenheiro de Computação atua na área de sistemas computacionais, seus respectivos equipamentos, programas e inter-relações. Em sua atividade, otimiza, planeja, projeta, especifica, adapta, instala, mantém e opera sistemas computacionais. Integra recursos físicos e lógicos necessários para o desenvolvimento de sistemas, equipamentos e dispositivos computacionais, tais como computadores, periféricos, equipamentos de rede, de telefonia celular, sistemas embarcados e equipamentos eletrônicos microprocessados e microcontrolados. Coordena e supervisiona equipes de trabalho; realiza pesquisa científica e tecnológica e estudos de viabilidade técnico-econômica; executa e fiscaliza obras e serviços técnicos; efetua
vistorias, perícias e avaliações, emitindo laudos e pareceres. Em suas atuação, considera a ética, a segurança e os impactos sócio-ambientais.

 

Fonte: https://www.instagram.com/instagraddio/

 

UNOESC promove a 4 ª Semana Acadêmica do curso de Engenharia da Computação

Image

Está em andamento na Unoesc em Joaçaba, a 4 ª Semana Acadêmica do curso de Engenharia da Computação.

Entre os dias 22 e 26 de outubro os acadêmicos da 2ª, 4ª, 6ª e 8ª fase estão podendo participar de palestras e no dia 27 terão opções de escolher mini cursos na área da Informática para participar.

Os principais organizadores desta semana, Professor Calixto e Professora Rogéria promovem o encontro entre os alunos e o aperfeiçoamento do conhecimento em assuntos específicos ministrados por grandes palestrantes. Desenvolvimento de Software, Sistemas Embarcados, Circuítos Integrados, Arduíno são alguns dos temas.

O evento está aberto ao público em geral.

Fonte: http://www.rbvradios.inf.br

mais informações em 01ti.com/semanadacomputacao 

 

 

 

Facebook força troca para e-mail @facebook.com.

Uma das razões pelas quais há tanta animosidade com o Facebook é que o serviço com frequência faz alterações sem notificar os usuários – e nem sempre para melhor.

Por exemplo, sabe aquele endereço de e-mail que aparece no seu perfil, que você tornou visível para seus amigos do Facebook e/ou amigos em potencial? Pode ser que você descubra, como eu, que o Facebook tem escondido esse endereço, substituindo-o pelo email “@facebook.com” que você recebeu quando a rede lançou seu serviço de correio.

Por que Zuckerberg e companhia fizeram tal mudança? Eu acho que é um esforço para tornar os serviços de e-mail do Facebook mais visíveis, mais relevantes. Seja qual for o caso, eu estou pensando: obrigado, mas não.

Veja como você pode desfazer essa alteração indesejada:

1. Abra o Facebook em seu navegador, então vá para seu perfil/linha do tempo (clicando em seu nome).

2. Abaixo de sua foto, clique em “Sobre”.

3. Desça até encontrar a caixa “Informações de Contato”. Assumindo que esta mudança afetou sua conta da forma como afetou a minha, você verá um endereço de e-mail “@Facebook.com”.Clique em Editar.

4. Perto de seu endereço principal de e-mail, você verá um círculo com uma barra através dele. Passe o mouse sobre ela e você verá uma janela pop-up dizendo “ocultado da linha do tempo”. Clique e, em seguida, escolha “Destacado na linha do tempo”.

5. Se você quiser, também pode passar o mouse sobre a mesma área próxima ao seu endereço de e-mail Facebook, clicar nele e escolher “ocultado da linha do tempo”. Essa é o segundo passo para desfazer totalmente o que foi feito – embora não haja dano real em deixar seu endereço do Facebook visível.

6. Clique no botão “Salvar” quando tiver terminado suas alterações.

 

Fonte: http://idgnow.uol.com.br/internet/2012/06/25/facebook-forca-troca-para-e-mail-facebook-com-veja-como-trocar/